Papa nomeia mulheres para comitê consultivo de bispos pela primeira vez

Três mulheres vão participar do comitê responsável por aconselhar o pontífice na escolha dos bispos do mundo


Foto: Reuters

O papa Francisco nomeou três mulheres, duas freiras e uma leiga, para um comitê anteriormente exclusivamente masculino que o aconselha na escolha dos bispos do mundo. As informações foram divulgadas pelo Vaticano nesta quarta-feira (13).


O pontífice havia divulgado a decisão em uma entrevista exclusiva à Reuters no início deste mês, explicando que queria dar às mulheres mais cargos de alto nível na Santa Sé.


As três mulheres são a irmã Raffaella Petrini, atual vice-governadora da Cidade do Vaticano, a freira francesa Yvonne Reungoat e a leiga Maria Lia Zervino, chefe da associação de organizações católicas de mulheres UMOFC.

Francisco já nomeou várias mulheres, tanto freiras quanto leigas, para os departamentos do Vaticano.


No ano passado, ele nomeou a freira italiana Irmã Alessandra Smerilli para a posição número dois no escritório de desenvolvimento do Vaticano, que lida com questões de justiça e paz.


Além disso, Francisco nomeou Nathalie Becquart, membro francês das Irmãs Missionárias Xaviere, como subsecretária do Sínodo dos Bispos, que prepara grandes reuniões dos bispos mundiais realizadas a cada poucos anos.


As mulheres leigas que já ocupam cargos importantes no Vaticano incluem Barbara Jatta, a primeira diretora dos Museus do Vaticano, e Cristiane Murray, vice-diretora da Sala de Imprensa do Vaticano. Ambas foram nomeadas por Francisco.


(Edição de Giulia Segreti)


Fonte: CNN

4 visualizações0 comentário